Compartilhe

Dot Voting – Colaboração para priorização de decisões

09/03/17 - 2 minutos de leitura

Você já esteve em uma reunião em que os assuntos iam surgindo durante a discussão e depois de muita falação nada ficou decidido? Em situações de tomada de decisão é comum que existam muitos tópicos para serem debatidos. Discuti-los um a um faz com que as reuniões se tornem longas, chatas e desgastantes para os envolvidos. O Dot Voting é uma técnica de facilitação baseada em  cumulative voting utilizada para priorização colaborativa.

Utilizando o Dot Voting

Esta dinâmica deve ter uma duração curta. Se a reunião for de duas horas, ela deve durar entre quinze a vinte minutos.

  1. Comece listando todos itens de discussão no quadro. Se necessário, faça apresentações sucintas sobre aqueles que forem pouco conhecidos do público participante.
  2. Cada pessoa tem direito a três votos (marcas) que podem ser distribuídos nos itens da forma que elas quiserem. É possível que a pessoa coloque todos os seus votos em um único item. Também é possível que alguns itens não recebam nenhum voto.
  3. Conte os votos recebidos para cada item. Aqueles que receberam mais votos são os mais prioritários.

 A Figura abaixo apresenta um exemplo de Dot Voting realizado em uma reunião com cinco pessoas.

Dot Voting - Colaboração para priorização de decisões 1

Neste exemplo, os participantes da reunião colaborativamente decidiram que prioridade de assuntos é:

  1. Contratação de novos desenvolvedores
  2. Cotação de treinamentos
  3. Avaliação 360º
  4. Resultado das reuniões de Feedback
  5. Trabalho remoto

As discussões devem começar do item mais importante para o menos importante, pois caso o tempo da reunião acabe, você garante que  os assuntos mais importantes foram tratados. E mesmo que ainda haja tempo para discutir todos os assuntos, como eles foram priorizados em ordem de importância por todo o time, pode ser que ao final se perceba que os deixados por último não sejam assim tão importantes e, portanto, nem precisem ser discutidos.

Compartilhe

Escrito por

Avelino Ferreira Gomes Filho

Agile Expert e Trainer na K21


Avelino é formado e mestre em Ciência da Computação. Teve uma longa trajetória na T.I. começando como programador e chegando à gestor de diversos times de criação de produtos digitais. Conheceu e começou a adotar as melhores prática de de Métodos Ágeis desde 2008. A partir de 2015 se dedicou a auxiliar outras empresas a adotar tais métodos. Atualmente é Agile Coach e Trainer na Knowledge 21.
Esta postagem se encontra sob a licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

    Receba mais conteúdos K21

    Deixe seu nome e email que nós te deixamos por dentro de tudo que rola por aqui.

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.