As principais referências sobre Kanban

As principais referências sobre Kanban

Me lembro bem do dia em que participei do meu primeiro treinamento com a K21. Confesso que não foi o treinamento de Kanban, mas como eu nunca tinha ouvido falar da K21, pensei que a aula seria entediante.

Me surpreendi logo nas primeiras horas, quando percebi que a interação entre as pessoas presentes seria o ponto principal do treinamento, permeado por boas conversas e discussões sobre negócios, cultura, processos e tecnologia na vida real, assim como são também os nossos treinamentos de Kanban.

Não me lembro muito bem das referências bibliográficas dadas pelo Rafael Sabbagh na época. Pra falar a verdade, durante os treinamentos dificilmente os alunos se preocupam em anotá-las, de tão intensivo que são.

Hoje, quase sete anos depois deste primeiro contato e depois de muita experiência prática na vida real, estou há quatro anos atuando do lado de cá do serviço como Trainer de Kanban, Flight Levels e Scrum Developer. Resolvi compartilhar abertamente aqui neste post as principais referências para o treinamento de Kanban.

Nesta lista você encontra as principais referências de livros, artigos e podcasts para o método Kanban, em sua grande parte na língua portuguesa, ó que beleza!

A lista vai de conteúdos mais básicos para iniciantes até conteúdos bem avançados para quem já conhece bastante do método.

Bora?

Antes de tudo, já vou deixar claro que Kanban não é só um quadro, é um método, como bem explica Rodrigo de Toledo neste vídeo:

Agora que você já entendeu que estamos falando sobre o método, e não sobre o quadro, simbora para as referências…

Começando do começo

Vem tranquilo! Comece com uns posts maneiros, um Love the Problem bem especial sobre Kanban, um livro gratuito e outro famosão. Bora!

Agora vai

Já tá manjando um pouco dos paranauê? Tá na hora de sair do be-a-bá então…

Mais avançadinho

Tá apaixonado pelo rolê, né? Tá na hora de ampliar essa visão aí então, hein…

Pesadão

Vai com calma que o material é denso e o uso dele talvez não seja trivial, mas boto fé em você! Boa sorte!

O mais legal dessa lista é que ela serve para quem já fez os treinamentos e quem ainda não fez!

Vou tentar mantê-la atualizada, mas por enquanto isso é só uma opção e o como você bem sabe o Lead Time só vai começar a contar quando eu me comprometer de fato.

Inclusive, isso depende bastante do feedback que você vai deixar aqui nos comentários. 😛

Autor(es)

Luiz Rodrigues

Lula é host no Love the Problem, o podcast da K21. Entre um episódio e outro, contam por aí que ele também dá aula de Kanban, Flight Levels e Certified Scrum Developer, mas eu só acredito vendo...

Comentários

Deixar um comentário